Telegram lança formalmente queixa na UE contra a Apple

telegram app

Se as grandes empresas de tecnologia nos EUA não estavam  ter problemas suficientes com a audição junto da justiça, a Apple tem agora ainda mais preocupações derivado do Telegram.

A aplicação de mensagens encontra-se agora a acusar formalmente a Apple de práticas anti competitivas no mercado, sendo que a queixa foi apresentada junto das autoridades na União Europeia.

De acordo com o portal Financial Times, o Telegram é a terceira grande empresa a formalizar uma queixa neste sentido contra a Apple, seguindo-se também as mesmas medidas aplicadas pelo Spotify e Rakuten. Em causa encontra-se a comissão de 30% que a Apple cobra aos programadores da App Store por todas as compras feitas in-app.

Ainda durante esta semana, o CEO do Telegram, Pavel Durov, deixou uma carta aberta onde criticava a taxa aplicada pela Apple na App Store, sublinhando que as receitas provenientes desta taxa são consideravelmente superiores às que se verificam em gastos para manter a App Store. Além disso, sublinha-se ainda o facto que, na altura dos PCs, esta taxa não existia e a App Store da Apple sempre se manteve de alguma forma ativa.

Mas no final, as autoridades necessitam de investigar se as práticas da Apple realmente estão a prejudicar o mercado, outras empresas e os consumidores em geral – algo que ainda se encontra aberto para debate durante os próximos meses.

Related Posts